Fremd in der soundsovielten Generation – ein absurdes Gespräch, aufgezeichnet von Leonardo Sakamoto

Os turistas da Copa são os primeiros estrangeiros em SP desde 1500

sakamotoLeonardo Sakamoto

– Você é aquele jornalista japonês, né?
– Hehe. Olha, eu acho que nasci por aqui mesmo.
– Sim, sim, mas é japa. Eu leio você de vez em quando. Não concordo, mas leio. Queria te perguntar o que você tá achando dessa invasão de estrangeiros por conta da Copa. Tá animal! Eu nunca entendi o fato de São Paulo não receber gente de fora…
– Mas São Paulo recebe gente de fora.
– Tá maluco? Quando é que você viu tanto holandês, inglês, mexicano, croata e até argentino zanzando por aí? Essa é a primeira vez.
– E os bolivianos, por exemplo?
– Só vi uma vez por aqui. Um bando deles.
– Porque você não anda pelo centro da cidade. Há centenas de milhares de bolivianos vivendo em São Paulo. Sem contar, paraguaios, haitianos, chineses… E isso considerando só a nova leva de gente: lembre-se que praticamente todos nós somos estrangeiros.
– Você que é japa. Minha família sempre morou aqui.
– Antes de Cabral inclusive?
– Desde sempre. E boliviano não vale. Não é bem estrangeiro, estrangeeeeeeiro… É diferente.
– Diferente como?
[…]

leia mais: blog do Sakamoto

Advertisements
Dieser Beitrag wurde unter Brasilien, Nationalismus veröffentlicht. Setze ein Lesezeichen auf den Permalink.

Kommentar verfassen

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden / Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden / Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden / Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden / Ändern )

Verbinde mit %s