Assinar Abaixo-Assinado : Em defesa do Museu da Maré #SOSMUSEUDAMARE

museu_mare

O Museu da Maré, inaugurado em maio de 2006, é uma experiência museológica inovadora e criativa, que empodera as memórias da favela. Em poucos anos, tornou-se referência nacional e internacional no trabalho com o poder da memória e do patrimônio, integrando uma rede de iniciativas que busca a reescrita da história; que escova a museologia a contrapelo, que investe em novas formas de produção e difusão de bens culturais e que, sobretudo, trabalha a favor dos direitos culturais dos moradores de favela.
O Museu é um espaço de referência para a comunidade, desenvolvendo ações variadas no campo da cultura, da cidadania e da educação.
Atualmente esta prática social diferenciada está ameaçada. A Companhia Libra de Navegação emitiu uma notificação formal e estabeleceu um prazo de 90 dias (a contar a partir de 05 de setembro de 2014) para a desocupação dos dois galpões situados na Avenida Guilherme Maxwell, 26 – na favela da Maré (Bonsucesso) e que há dez anos estavam cedidos em comodato para o Museu que, em 2006, recebeu do Ministério da Cultura, a sua maior distinção, ou seja, a Medalha da Ordem do Mérito Cultural.
O Museu que conta com Arquivo, Biblioteca, Reserva Técnica, área de exposição de longa e de curta duração, laboratório de informática, área de administração e outros espaços, ao longo dos seus 08 (oito) anos de existência tem se constituído em fonte de inspiração para diversas outras iniciativas e em exemplo concreto de como é possível acionar a memória e o patrimônio para o desenvolvimento de ações que promovam transformações sociais, empoderamento social, dignidade social e coesão social.
Entre suas atividades destacam-se o projeto de artesanato Marias da Maré, a contação de histórias, as visitas escolares mediadas, as práticas de estímulo à leitura, as exposições, as oficinas culturais, incluindo música, dança e teatro; desenvolve, ainda, diversos projetos em parceria com universidades e instituições de fomento, como, por exemplo, UNIRIO, UERJ, UFRJ, FIOCRUZ, PUC, IPHAN, IBRAM, FAPERJ, onde se inclui o Programa “Jovens Talentos”, responsável pela formação de jovens mediadores para exposições.
A notificação de despejo significa, a rigor, uma grande ameaça de extinção do Museu, por isso, nós amigos e admiradores do Museu da Maré e de processos culturais de caráter popular e inovador, não vamos ficar calados, vamos nos mobilizar e defender o Museu da Maré. Assim, assinamos esta petição para que o Ministério da Cultura, bem como o governo do Estado do Rio de Janeiro e o governo do Município do Rio de Janeiro, criem condições efetivas para a manutenção e o fortalecimento do Museu da Maré, incluindo a imediata desapropriação dos dois referidos galpões e sua transferência para o Museu da Maré. Esse é passo mais urgente: a manutenção dos prédios para a continuidade do funcionamento do Museu. Não podemos deixar esta importante instituição ser ameaçada! Precisamos do apoio de todos para a garantia de permanência do Museu da Maré.
Preservar o Museu da Maré não é apenas garantir um espaço, mas a vivacidade de um projeto de memória, arte, cultura, patrimônio e educação que inspira e sinaliza para novas possibilidades de compreensão dos museus e sua função social.

Assinar Abaixo-Assinado

Conheça mais sobre o Museu:

Advertisements
Dieser Beitrag wurde unter Widerstand veröffentlicht. Setze ein Lesezeichen auf den Permalink.

Kommentar verfassen

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden / Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden / Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden / Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden / Ändern )

Verbinde mit %s